watashi
Eu!

Quando começamos a estudar um novo idioma, a primeira coisa que aprendemos é sobre como fazer a referência a nós mesmos, ou seja, como se diz EU na nova língua que estamos com bastante empolgação para aprender. E quem já começou seus estudos de japonês sabe que existem outras formas de se falar “eu” embora tenha dúvidas sobre o uso. E essa variedade de formas que não estamos acostumados quando estudamos inglês, espanhol, francês ou alguma outra língua ocidental é bem comum nas línguas do Leste Asiático. Além do japonês, também existem vários “eus”  em coreano, vietnamita, indonésio, entre outras.

O primeiro contato com estas outras formas em várias vezes se dá com o anime, dorama ou música. Você está lá com toda a atenção na legenda e fazendo os malabares mentais para deixar os ouvidos igualmente atentos, percebe a diferença quando na legenda está sempre a mesma palavra enquanto que os personagens da cena já falaram pelo menos umas 5 versões diferentes para o que deveria significar a mesma coisa: eu. Isso quando usam este pronome.

「わたし」’Watashi’ geralmente é a primeira forma que aprendemos nos livros didáticos ou que absorvemos nas mídias que consumimos e também é a mais segura para usarmos sem o risco de cometer alguma gafe, tanto para quem está começando a estudar agora quanto para quem já estuda há mais tempo. Na dúvida, vale sempre escolher o 「わたし」. Pode ser considerado formal, mas melhor pecar por excesso do que por falta, não?

O uso do pronome depende da posição social do falante, com quem está falando- se é de um status superior ou não- e qual o tipo de relação que os participantes do diálogo possuem. E daí o grau de polidez da sua fala também acaba variando de acordo com o “eu” que foi escolhido, em conjunto com as formas verbais.

Vamos ver alguns outros exemplos de “eu” em japonês:

ぼく(boku): Tomando os animes como exemplo, é uma forma que aparece sendo bastante usada pelos meninos (embora também apareça meninas usando- tanto em anime quanto na realidade) e é considerada informal. Embora nos últimos tempos, segundo outros artigos, atrizes e cantoras tenham aparecido usando “boku” para se mostrarem de modo mais realista. Imagino que, talvez para frear um pouco a imaginação dos fãs que as acham seres intocáveis envoltas na pureza brilhante com aroma de rosas??

Também é uma forma que os adultos usam com as crianças pequenas para referir-se a elas mesmas, do tipo: “Você veio com quem?”, que ficaria:「ぼく、だれがきたの?」(Boku, dare ga kita no?)

わたくし(watakushi) : Escreve-se com o mesmo kanji de watashi [私] e é uma forma mais humilde de referir-se a própria pessoa. É usada em situações mais formais. Em animes, às vezes podemos ver watakushi sendo usado por personagens ricos e/ ou arrogantes, o que é curioso para forma considerada humilde. Então, muita atenção quando for usar para não passar ao seu ouvinte o contrário do que você deseja!

kodachi
Kodachi, de Ranma 1/2 – exemplo de personagem arrogante que usa watakushi

おれ (ore) : Usado por homens, em situações informais quando estão com amigos e não precisam se preocupar com quem está em volta.  A menos que o rapazinho aí seja “muito- super- amigo- amicíssimo” do “galerô” todo na roda, melhor evitar.

わし(washi) : Este é usado por homens idosos mas é possível que deixe de ser usado nas próximas gerações.

Ainda existem formas como: あたし(atashi- usado por mulheres), あたくし(atakushi- usado por mulheres),わて (wate- usado para pessoas de status igual ou mais baixo),わい (wai- usado para pessoas de status igual ou mais baixo), わっち(wacchi- frequentemente usado por homens que trabalham) e várias outras. Fica aí a curiosidade!


hello__it_s_me_again_by_vivianemakoto-dby8t4k
Post por: Makoto, também conhecida por Viviane, ou será o contrário?