Hoje vou ensinar um exercício prático de aprendizado de kanji e vocabulário para você fazer com o seu mangá favorito. Para você poder fazer esse exercício, você precisa já saber pelo menos hiragana e katakana.

Escolha algum mangá que goste! Se por acaso tiver algum na sua casa e que ficou guardado um tempão porque já viu todos os desenhos mas não leu, essa é a hora de finalmente entender o seu mangá! Mas se não tiver, você pode conseguir um webtoon gratuito online.

Você pode experimentar o Comico, o site todo está em japonês e tem vários gêneros disponíveis e vários gratuitos. Seu exercício já pode começar decifrando as palavras necessárias para navegar no site. Tem também o mangaz.com.

Agora que já tirou a poeira do seu mangá físico ou já escolheu o seu webtoon no site, vamos tentar fazer a leitura das primeiras páginas. Se você não tem costume de ler mangá, ou qualquer texto em japonês, vou fazer algumas sugestões para ajudar você a entender melhor as palavras.

A primeira coisa que você vai reparar é que as palavras não tem espaço entre umas às outras. Por isso, você terá que atentar para os limites entre as palavras.

Uma coisa que ajuda muito na identificação das palavras é saber onde estão as partículas. A primeira coisa que você deve fazer é marcar as partículas. Depois disso, sublinhe as palavras. Ou anote separadamente, ainda mais se não tiver como rabiscar a tela.

Quando tiver feito isso no primeiro balão, tente separar as palavras e seus significados buscando no dicionário. Assim você vai poder compreender o significado. Pra não ficar confuso, faça anotações.

Depois de ter captado as palavras dos balões de uma das páginas, você vai ter uma lista de palavras em japonês e a sua tradução.

O segredo aqui é usar o contexto do mangá para lembrar a palavra: você vai escrever ao lado de cada uma, em que contexto ela foi usada na história.  Isso vai ajudar você a fixar um contexto junto com essa palavra, e consequentemente, te ajudar a lembrar quando precisar dela.

Ah, e o mangá da imagem é esse aqui!